ONU e UIP pedem fim de restrições de viagem para seropostivos (Português África)

29 março 2010

Os dois órgãos pediram aos parlamentares de estados que ainda impõem tais restrições para desempenharem um papel proeminente na sua remoção; também encorajaram a apoiarem legislação destinada a proteger seropositivos de discriminação baseada no seu estatuto.

[caption id="attachment_173424" align="alignleft" width="175" caption="Apelo da UIP"]

Carlos Araújo, da Rádio ONU em Nova Iorque.

O Programa Conjunto das Nações Unidas sobre HIV-Sida, Onusida e a União Interparlamentar, UIP, apelaram ao fim das restrições de viagem que alguns países ainda impõem às pessoas que vivem com o vírus.

O pedido foi feito esta segunda-feira durante a assembleia da UIP em Bangkok, na Tailândia.

Discriminação

Os dois órgãos pediram aos parlamentares de estados que ainda impõem tais restrições para desempenharem um papel proeminente na sua remoção.

O Onusida e a UIP também encorajaram os parlamentares a apoiarem legislação destinada a proteger seropositivos de discriminação baseada no seu estatuto.

O presidente da União Interparlamentar, Theo-Ben Gurirab, disse que restrições à liberdade de movimentos e de viagens de pessoas que vivem com o HIV constituem um atentado à sua dignidade e direitos.

Actualmente, 52 países, territórios e regiões impõem alguma forma de restrição na entrada, estadia e residência a seropositivos.

O director-executivo da agência das Nações Unidas, Michel Sidibé, disse que restrições de viagem a pessoas que vivem com o vírus não protegem a saúde pública e estão antiquadas numa altura em que o acesso a tratamento e prevenção é universal.

Movimentos

Em Julho de 2008, o Secretário-Geral da ONU, Ban Ki-moon, reiterou o apelo da organização para o fim de todas as restrições à entrada, estadia ou residência para os seropositivos.

O Onusida continua a monitorar os países que ainda impõem essas restrições e estabeleceu 2010 como o ano da liberdade de movimentos para todos.

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Siga-nos no Twitter! Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud