Partida de futebol contra a pobreza ajuda o Haiti

26 janeiro 2010

Jogo foi transmitido ao vivo para mais de 60 países; montante angariado pela venda de bilhetes, patrocinadores, direitos de transmissão televisiva e doações directas será enviado para ajudar os esforços de reconstrução no Haiti.

Carlos Araújo, da Rádio ONU em Nova Iorque.

Mais de 50 mil espectadores assistiram na segunda-feira em Lisboa, Portugal, ao 7º jogo contra a pobreza entre uma equipa dos "Amigos de Zidane e Ronaldo" e uma formação de antigas estrelas do Benfica.

A partida foi transmitida ao vivo para mais de 60 países. O montante angariado pela venda de bilhetes, patrocinadores, direitos de transmissão televisiva e doações directas será enviado para ajudar os esforços de reconstrução no Haiti.

Minuto de Silêncio

Antes do início do jogo, os jogadores observaram um minuto de silêncio em memória às vítimas do tremor de terra que devastou aquele país caribenho a 12 de Janeiro.

O ex-futebolista francês, Zinedine Zidane, disse que o importante é mobilizar pessoas para os projectos do Programa da ONU para o Desenvolvimento, Pnud e também pensar no desastre que acaba de acontecer no Haiti.

A estrela brasileira, Káká, que joga actualmente no Real Madrid, afirmou que aceitou participar na partida após um convite pessoal de Ronaldo. Ele disse que a prioridade actual deve ser o Haiti apesar de todos os problemas que o mundo conhece.

Nos últimos sete anos, o jogo de futebol organizado por Zidane e Ronaldo ajudou a angariar fundos para os esforços globais para reduzir a pobreza no mundo.

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Siga-nos no Twitter! Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud