Banco Mundial: Apoio financeiro aos haitianos

14 janeiro 2010

Presidente do órgão Robert Zoellick disse que os escritórios do Banco Mundial em Porto Príncipe foram destruídos mas muitos funcionários já foram localizados.

[caption id="attachment_175062" align="alignleft" width="175" caption="Foto: World Bank"]

Daniela Traldi, da Rádio ONU em Nova Iorque*.

O Banco Mundial anunciou que está disponível a ajudar os haitianos com apoio financeiro aos esforços de assistência humanitária para as vítimas do terramoto.

O presidente do órgão, Robert Zoellick, disse em comunicado que se trata de um evento chocante e expressou pesar pela situação da população do Haiti naquilo que qualificou como uma época terrível.

Destruídos

Zoellick afirmou que o Banco Mundial já está a mobilizar recursos para ajudar o país a responder à catástrofe.

Ele sublinhou ainda que a instituição está pronta para enviar uma equipa para ajudar a avaliar danos e perdas, e para um plano de recuperação e reconstrução.

Robert Zoellick disse que os escritórios do Banco Mundial em Porto Príncipe foram destruídos e muitos dos funcionários já foram localizados.

Segundo ele existem 14 projectos do Banco em andamento no país, em áreas que incluem gestão de desastres, infra-estrutura, desenvolvimento de comunidades e educação.

*Apresentação: Ana Ventura Miranda, da Rádio ONU em Nova Iorque.

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Siga-nos no Twitter! Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud