Vítimas de tsunami nas Ilhas Salomão recebem apoio do Unicef
BR

5 janeiro 2010

Agência da ONU envia equipes de assistência humanitária após passagem de onda gigante ao país; Unicef deve usar material de emergência, além de novos suprimentos e equipes para a proteção de crianças vulneráveis ao desastre natural.

Daniela Traldi, da Rádio ONU em Nova York.

O Fundo das Nações Unidas para a Infância, Unicef, anunciou nesta terça-feira que já deu início aos trabalhos de assistência humanitária às vítimas de um tsunami nas Ilhas Salomão, país que fica no Pacífico Sul.

A agência da ONU afirma que trata-se da segunda onda gigante na região em três anos, a primeira registrada em 2007.

Proteção

O Unicef enviou equipe de barco à Ilha Gizo, mesmo local onde já existiam obras de reconstrução de escolas afetadas pela passagem do primeiro tsunami.

O Fundo das Nações Unidas informa que deve usar material de emergência que estava estocado, além de novos suprimentos e equipes para a proteção de crianças vulneráveis aos desastres naturais.

Dois especialistas em emergência do Unicef estão à caminho das Ilhas Salomão para ajudar nos trabalhos de assistência.

Devastação

A representante do Unicef para o Pacífico, Isive Ndombi, disse que ainda não é possível avaliar o tamanho da devastação, mas está claro que o trauma psicológico para crianças e adultos após dois tsunamis será significativo.

Segundo agências de notícias mais de mil pessoas estariam desabrigadas nas Ilhas Salomão após um terremoto seguido por tsunami atingir o país nesta segunda-feira.

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Siga-nos no Twitter! Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud