Situação económica em Moçambique

9 dezembro 2009

Carlos Araújo, da Rádio ONU em Nova Iorque.

O Fundo Monetário Internacional, FMI, prevê um crescimento económico de 5,5% em Moçambique, em 2010.

Um relatório do órgão divulgado na terça-feira revela que após um período prolongado de resultados macroeconómicos sólidos, o país foi afectado pela crise económica global.

O FMI indica, contudo, que a economia moçambicana demonstrou uma resistência inesperada, causada em parte por uma resposta imediata das autoridades à recessão.

O crescimento, que nos últimos três anos atingiu uma média de 7,5% , deverá descer este ano três pontos percentuais.

O relatório coincide com a conclusão da 5ª missão de avaliação do órgão a Moçambique, ao abrigo de um programa de cooperação de três anos com o país.

Oiça a entrevista com o representante do FMI em Moçambique, Felix Fischer, sobre as principais conclusões do relatório. Tempo total 7'08".

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Siga-nos no Twitter! Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud