Acordo da FAO fortalece gestão da segurança alimentar (Português Brasil)

24 novembro 2009

Países membros da Organização das Nações Unidas para Agricultura e Alimentação concordaram em reformar o Comitê de Segurança Alimentar Mundial da FAO; a ideia é reforçar o órgão e torná-lo a principal plataforma internacional de discussão para eliminar a fome no mundo.

Daniela Traldi, da Rádio ONU em Nova York.

Quase uma semana após o término da Cúpula Mundial sobre Segurança Alimentar, a Conferência da FAO anunciou nesta terça-feira em Roma que chegou a um acordo para um sistema global mais efetivo e mais forte de gestão da segurança alimentar.

A Conferência da Organização das Nações Unidas para Agricultura e Alimentação reúne os 192 países membros a cada dois anos.

Aliança

A decisão abre caminho para uma reforma no Comitê de Segurança Alimentar Mundial da FAO que, após concordância durante a Cúpula da semana passada, vai desempenhar papel fundamental na aliança global sobre o tema.

O Comitê terá caráter mais inclusivo, com a participação de representantes de organizações internacionais, ONGs, o setor privado e a sociedade civil.

A ideia é reforçar o órgão e torná-lo a principal plataforma internacional de discussão, coordenação e convergência política para eliminar a fome no mundo.

O Comitê também será apoiado por uma rede de especialistas internacionais que irão atuar como conselheiros para que as decisões sejam baseadas nas melhores evidências disponíveis.

Fome

De acordo com a agência da ONU existem mais de 1 bilhão de pessoas famintas no mundo.

A FAO lançou recentemente uma campanha pedindo à população mundial para assinar uma petição online para erradicar a fome.

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud