PAM inicia distribuição de comida por via aérea no Sul do Sudão

4 novembro 2009

Objectivo é fornecer 4 mil toneladas de comida a três dos 10 Estados da região, Jonglei, Alto Nilo e Warrap; a distribuição é feita através do lançamento de parcelas a partir de um avião que pode transportar 36 toneladas de alimentos em cada vôo.

Carlos Araújo, da Rádio ONU em Nova Iorque.

O Programa Alimentar Mundial, PAM, começou a distribuir comida por via aérea a mais de 155 mil pessoas no Sul do Sudão em áreas atingidas por conflitos, altos preços dos alimentos e más colheitas ou cujo acesso foi cortado pelas recentes chuvas.

Uma nota da agência da ONU divulgada esta quarta-feira em Juba, indica que a distribuição teve início na semana passada e que irá continuar nos próximos dois meses e meio.

Confrontos Tribais

O objectivo é fornecer 4 mil toneladas de comida a três dos 10 Estados do Sul do Sudão, Jonglei, Alto Nilo e Warrap.

O director do PAM no país, Amer Daoudi, disse que o órgão não pode esperar pela baixa dos preços dos alimentos ou pelo fim das chuvas.

A região tem uma superfície de 650 mil km2 mas é servida apenas por 5,5 mil km de estradas. Menos de 1% delas são asfaltadas.

Muitas vias encontram-se em péssimas condições e não podem ser usadas entre Abril e Dezembro na estação das chuvas. Um aumento de confrontos tribais também bloqueou o acesso por estrada e rios a várias zonas.

A distribuição da comida é feita através do lançamento de parcelas a partir de um avião que pode transportar 36 toneladas de alimentos em cada voo.

Apelo Adicional

A comida será lançada em 22 localidades diferentes nos três Estados onde equipas especialmente treinadas para o efeito recolhem as parcelas e procedem à sua distribuição.

O envio de comida por via áerea é mais caro do que por terra ou rio. É por isso que o PAM vai fazer um apelo adicional de US$ 44 milhões para comprar e distribuir 22 mil toneladas de comida para 300 mil pessoas no Sul do Sudão.

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Siga-nos no Twitter! Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud