ONU elogia acordo em Honduras
BR

30 outubro 2009

Ban Ki-moon saudou anúncio do fim do impasse no país da América Central; presidente deposto permanece refugiado na embaixada brasileira em Tegucigalpa por mais de 1 mês.

Daniela Traldi, da Rádio ONU, em Nova York.

O Secretário-Geral da ONU Ban Ki-moon disse estar encorajado com informação vinda de Tegucigalpa sobre um acordo anunciado na noite desta quinta-feira entre o presidente Manuel Zelaya e o governo de fato de Honduras.

Em nota divulgada nesta sexta-feira Ban afirmou que espera que o país esteja agora no caminho para a restituição completa da democracia.

Golpe

De acordo com agências de notícias o documento que sela o fim do impasse hondurenho será assinado ainda nesta sexta-feira.

Ainda segundo as agências o presidente de fato Roberto Micheletti teria dito que o acordo vai criar um governo com divisão de poder, e que ambos os lados precisariam reconhecer os resultados das eleições previstas para 29 de novembro.

Em 28 de junho militares hondurenhos prenderam e expulsaram do país o presidente Manuel Zelaya.

Há pouco mais de um mês Zelaya voltou a Honduras e está refugiado na embaixada do Brasil em Tegucigalpa.

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud