ONU homenageia funcionários mortos no Afeganistão

30 outubro 2009

Ban Ki-moon pediu à comunidade internacional para ajudar a organização a reforçar a segurança dos seus funcionários naquele país asiático.

Maria Cláudia Santos, da Rádio ONU em Nova Iorque*.

O Secretário-Geral da ONU, Ban Ki-moon e funcionários da organização prestaram esta sexta-feira homenagem aos cinco colegas que morreram esta semana num ataque no Afeganistão, observando um minuto de silêncio em sua memória.

O evento ocorreu um dia depois do apelo de Ban à comunidade internacional para ajudar a organização a reforçar a segurança dos seus funcionários naquele país asiático.

Protecção

Após se reunir com o Conselho de Segurança, na quinta-feira, o Secretário-Geral falou com jornalistas e destacou que só este ano 27 funcionários civis das Nações Unidas perderam a vida, mais da metade deles no Afeganistão e no Paquistão.

Ban Ki-moon afirmou que, cada vez mais, a ONU necessita aumentar a segurança para poder apoiar as eleições afegãs, que acontecem no dia 7 de Novembro.

Ban disse que as Nações Unidas precisam do apoio dos Estados membros pois não podem fazer isso sozinhas.

Funções Cruciais

O Secretário-Geral afirmou que é preciso avaliar a situação de forma realista e montar um esquema de proteção mais eficaz para os funcionários da organização que exercem funções cruciais no país.

O Secretário-Geral também destacou o heroísmo dos oficiais da Missão de Assistência das Nações Unidas no Afeganistão, Unama, durante o ataque da última quarta-feira. Segundo Ban, sem a atitude corajosa dos guardas mais pessoas teriam morrido.

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud