UIT quer melhorar resposta à desastres
BR

8 outubro 2009

Agência da ONU, com o apoio de empresas do ramo de telecomunicações, pretende melhorar acesso a informações de alerta em situações de emergência.

Pollyana de Moraes, da Rádio ONU em Nova York.*

A União Internacional de Telecomunicações, UIT, e as companhias de satélite Inmarsat e Vizada SAS, firmaram um acordo nesta quinta-feira para melhorar os sistemas de comunicação sobre alerta de desastres e coordenação de operações de emergência.

As empresas doaram à agência da ONU 70 terminais de satélites móveis, capazes de enviar arquivos de voz e outros dados em banda larga.

Parcerias

As companhias também ofereceram suporte técnico, além de taxas preferenciais para a transmissão de informações.

Para o diretor-executivo da UIT, Sami Al-Basheer, a parceria começa em um momento crítico, após países da Ásia e do Pacífico terem sido afetados por tempestades e terremotos na última semana.

Ainda segundo Al-Basheer, a comunicação via satélite pode salvar vidas, ao permitir que a ajuda humanitária chegue com mais rapidez às vítimas de um desastre.

A agência lançou recentemente uma iniciativa global que busca reunir parceiros de diversas áreas para ajudar na elaboração de respostas de emergência a desastres naturais, através do uso da informação e da tecnologia.

*Apresentação: Leda Letra, da Rádio ONU em Nova York.

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Siga-nos no Twitter! Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud