ONU aplaude prisão de indiciado por genocídio (Português África)

6 outubro 2009

Nizeyimana esteve nove anos foragido; 81 pessoas foram indiciadas pela sua participação nos massacres e 11 continuam a monte; ele foi indiciado pela sua participação no genocídio no Ruanda, em 1994.

[caption id="attachment_170786" align="alignleft" width="175" caption="Idelphonse Nizeyimana"]

Maria Cláudia Santos, da Rádio ONU em Nova Iorque*.

O Secretário-Geral da ONU, Ban Ki-moon, aplaudiu esta terça-feira a prisão de Idelphonse Nizeyimana indiciado pela sua participação no genocídio no Ruanda, em 1994.

A missão da ONU na República Democrática do Congo, Monuc, confirmou a prisão do líder rebelde ruandês, ocorrida esta segunda-feira no Uganda.

Cooperação

Nizeyimana foi indiciado pelo Tribunal Penal Internacional para o Ruanda, com sede em Arusha, na Tânzânia, no ano 2000, por genocídio e crimes contra a humanidade praticados naquele país da África Central.

A figura destacada do movimento rebelde, Forças Democráticas de Libertação do Ruanda, Fdlr, encontrava-se entre os 12 últimos indiciados que ainda continuam a monte.

Num comunicado divulgado pela sua porta-voz em Nova Iorque, BanKi-moon saudou o acto e pediu total cooperação dos Estados membros da ONU com o Tribunal de Arusha.

A Monuc realçou que a prisão é um passo importante na luta contra a impunidade e um forte sinal da garantia de segurança na região.

Cerca de 800 mil pessoas foram massacradas no Ruanda em 1994. A maioria eram tutsis e hutus moderados.

Genocídio

No total, 81 pessoas foram indiciadas pelo tribunal da ONU pela sua participação no genocídio. Actualmente, 11 delas continuam foragidas.

Todos são acusados de terem cometido sérias violações à lei humanitária internacional em 1994.

*Apresentação: Carlos Araújo, da Rádio ONU, em Nova Iorque.

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Siga-nos no Twitter! Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud