Travessia do Golfo de Aden faz mais vítimas

15 setembro 2009

Segundo o Acnur, três novos incidentes envolvendo embarcações de traficantes mataram 16 pessoas nos últimos dias; cerca de 273 migrantes morreram afogados ou continuam desaparecidos desde o início do ano.

Carlos Araújo, da Rádio ONU em Nova Iorque.

O Alto Comissariado da ONU para Refugiados, Acnur, indicou esta terça-feira que 16 pessoas morreram e 49 outras estão desaparecidas em três incidentes separados envolvendo embarcações de traficantes no Golfo de Aden, nas últimas 48 horas.

O primeiro incidente ocorreu na manhã de domingo quando um barco que transportava 142 pessoas afundou-se perto da localidade de Radfan. Segundo um porta-voz do órgão, 98 passageiros conseguiram nadar até à costa, enquanto 43 outros estão desaparecidos, presumivelmente mortos.

Espancadas

Um passageiro disse ao Acnur que a embarcação deixou a localidade somali de Elayo na quinta-feira e que os traficantes agrediram e ameaçaram repetidamente as pessoas durante a travessia.

A segunda tragédia envolveu um navio que transportava 112 africanos, na sua maioria não somalis. Passageiros indicaram que 13 pessoas foram acomodadas na casa de máquinas quando o barco deixou a aldeia de Marera, na Somália, na quinta-feira.

Segundo um dos sobreviventes, três pessoas foram espancadas até à morte pelos traficantes enquanto 10 outras morreram asfixiadas.

Pobreza

O terceiro incidente foi noticiado por um navio belga que viu uma pequena embarcação a afundar-se em alto mar. A tripulação conseguiu salvar 38 pessoas do navio sinistrado que, segundo sobreviventes, transportava 46 passageiros.

De acordo com dados do Acnur, um total de 860 barcos transportando mais de 43 mil migrantes fizeram a perigosa travessia do Golfo do Aden nos primeiros oito meses deste ano, para escapar à fome, pobreza, instabilidade política e guerra civil. Cerca de 273 morreram afogados ou continuam desaparecidos.

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud