ONU transfere parte da segurança pública à policia do Timor (Português Brasil)

11 setembro 2009

O centro de formação na capital Dili é o quarto complexo de segurança pública a passar para o controle direto da polícia timorense desde maio; processo vai obedecer uma avaliação sobre a capacidade da Pntl de assumir essa responsabilidade.

[caption id="attachment_168146" align="alignleft" width="175" caption="ONU no Timor"]

Carlos Araújo, da Rádio ONU em Nova York.*

A polícia do Timor-Leste, Pntl, assumiu, nesta sexta-feira, o controle de um centro de formação apoiado pela ONU, como parte da transferência gradual de responsabilidades das Nações Unidas para as autoridades de segurança locais.

O centro, situado na capital Dili, é o quarto complexo de segurança pública a passar para o controle direto da polícia timorense desde o início do processo em maio. Os primeiros distritos abrangidos pela medida foram Lautem, Oecussi e Manatuto.

Apoio Internacional

O centro de formação, que também tem o apoio da Austrália, Portugal e Japão, fornece treino à futuros oficiais da polícia.

A cerimônia de transferência de responsabilidades contou com a presença do representante do Secretário-Geral da ONU no país, Atul Khare e o Secretário da Segurança do Timor, Francisco Guterres.

A missão da ONU no país, Unmit, está trabalhando com o governo do Timor-Leste para gradualmente transferir responsabilidades de policiamento em todos os distrítos.

Avaliação

O processo vai obedecer uma avaliação sobre a capacidade da Pntl de assumir essa responsabilidade.

A polícia da ONU assumiu o controle das operações de segurança no país em 2006, após a crise desencadeada pela demissão de 600 soldados. Os distúrbios que se seguiram resultaram na morte de dezenas de pessoas e causaram o deslocamento de cerca de 155 mil timorenses, cerca de 15% da população.

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Siga-nos no Twitter! Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud