Ártico perde camada de gelo a um ritmo alarmante, diz Ban

2 setembro 2009

No último dia da sua visita à Noruega, Ban Ki-moon alertou que o mundo está a perder uma superfície de 150 km de geleiras por ano; ele voltou a apelar aos governos para assinarem um acordo sobre mudanças climáticas em Dezembro.

Carlos Araújo, da Rádio ONU em Nova Iorque.

O Secretário-Geral da ONU, Ban Ki-moon, apelou à tomada de medidas urgentes para combater mudanças climáticas e proteger o planeta para futuras gerações.

Ban terminou esta quarta-feira uma visita à Noruega com uma viagem de barco ao Círculo Polar Ártico.

Poder e Vulnerabilidade

Falando a jornalistas de pé sobre a camada de gelo que cobre a região do Pólo Norte, ele disse que sentia o poder e ao mesmo tempo a vulnerabilidade do planeta.

O Secretário-Geral afirmou ter sido informado por cientistas que o aquecimento global está a alterar o Ártico a um ritmo mais acelerado do que outras regiões.

Ele disse que é importante travar esse processo. Ban revelou que o mundo está a perder uma superfície de 150 km de geleiras por ano, um volume que ele descreveu de alarmante.

Ban Ki-moon afirmou que não há mais tempo a perder, apelando aos governos para assinarem um acordo em Dezembro, em Compenhaga, na Dinamarca.

Acordo Justo

Ele disse que um tal acordo deveria ser global, equilibrado e justo, tanto para os países industrializados como para as nações pobres.

O Secretário-Geral relembrou que restam apenas 15 dias de reuniões preparatórias antes da Conferência sobre Mudança Climática que tem como objectivo encerrar as negociações sobre um novo pacto para substituir o Protocolo de Kyoto, que expira em 2012.

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud