Setembro é decisivo para eleições na Côte d'Ivoire

10 agosto 2009

Representante das Nações Unidas no país afirmou que será possível avaliar no próximo mês o nível de preparação eleitoral e os esforços de reunificação na Côte d\'Ivoire; eleições presidenciais estão marcadas para Novembro.

Carlos Araújo, da Rádio ONU em Nova Iorque.

O mês de Setembro vai ser decisivo para o processo eleitoral na Côte d'Ivoire.

A afirmação foi feita este domingo em Ougadougou, no Burkina Faso, pelo representante de Ban Ki-moon no país, Young-jin Choi.

Reunificação

Ele participava na 7ª reunião do comité estabelecido para acompanhar o processo de paz marfinhense.

Choi notou que o registo final de eleitores deve ficar concluido no próximo mês. Ele afirmou que só então será possível avaliar se a Côte d'Ivoire está preparada para realizar eleições presidenciais em Novembro.

O mês de Setembro vai também oferecer uma oportunidade para avaliar os esforços e progressos na reunificação do país.

O enviado das Nações Unidas pediu às partes para respeitarem os prazos eleitorais. Cerca de 6,5 milhões de eleitores já estão registados para o escrutínio.

Cacau

Entretanto, a missão da ONU na Côte d'Ivoire indicou esta segunda-feira que formou cerca de 500 produtores locais de cacau em gestão financeira.O seminário teve lugar a semana passada numa localidade perto da capital, Abidjan.

O país da África Ocidental é principal produtor mundial de cacau.

Siga a Rádio ONU no Twitter.

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud