Ban visita Mianmar nos dias 3 e 4 de Julho

29 junho 2009

Segundo a sua porta-voz, Ban Ki-moon vai debater com as autoridades birmanesas a libertação de todos os presos políticos, incluindo San Suu Kyi, o recomeço do diálogo entre o governo e a oposição e a realização de eleições credíveis.

Carlos Araújo, da Rádio ONU em Nova Iorque.

O Secretário-Geral da ONU, Ban Ki-moon, vai visitar Mianmar nos dias 3 e 4 de Julho.

O anúncio foi feito esta segunda-feira, em Nova Iorque, pela porta-voz de Ban, Michele Montas.

Eleições Credíveis

Ela disse que Ban Ki-moon volta a Mianmar para discutir directamente com os líderes do país vários assuntos que há muito vem preocupando as Nações Unidas e a comunidade internacional.

Segundo a sua porta-voz, o Secretário-Geral considera que três dos temas mais importantes para o futuro do país serão abordados no que descreve de fase crucial do processo político em Mianmar: a libertação de todos os presos políticos, incluindo Aung San Suu Kyi, o recomeço do diálogo entre o governo e a oposição e a necessidade de criação de condições para a realização de eleições credíveis.

Ban Ki-moon destaca também a importância da consolidação dos esforços humanitários conjuntos após o ciclone Nargis.

Democracia

Ele diz acreditar que quanto mais depressa estes assuntos foram debatidos, mais rapidamente o país asiático poderá avançar em direcção à paz, democracia e prosperidade.

Antes de visitar Mianmar, o Secretário-Geral desloca-se ao Japão onde deverá chegar na terça-feira.

A ONU anunciou que Ban Ki-moon vai viajar também para a Europa na próxima semana, para visitas à Suiça, Irlanda e Itália.

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud