Relatores da ONU preocupados com o Irã
BR

19 junho 2009

Em nota conjunta, cinco especialistas dizem que direitos à liberdade de expressão e de reunião estão sendo prejudicados; protestos contra resultado das eleições presidenciais estão levando dezenas de milhares às ruas do país.

Mônica Villela Grayley, da Rádio ONU em Nova York.

Um grupo de relatores independentes das Nações Unidas afirmou nesta sexta-feira que a situação de prisões e mortes no Irã é motivo de grave preocupação.

Numa nota conjunta, os cinco especialistas disseram que o uso em excesso da força policial, as prisões arbitrárias e as mortes ocorridas durante a última semana no Irã são prejudiciais à liberdade de expressão.

Vitória

A nota também ressalta que ativistas de direitos humanos também são vítimas da situação.

Dezenas de milhares de pessoas estão protestando no Irã desde o fim de semana por causa do resultado das eleições que deu vitória ao presidente Mahmoud Ahmadinejad.

Segundo agências de notícias, pelo menos oito pessoas morreram nas manifestações a favor do candidato derrotado Mir Hossein Mousavi.

Vontade Genuína

Na quinta-feira, pelo menos 100 mil pessoas saíram às ruas numa manifestação pacífica em memória das vítimas.

No início desta semana, o Secretário-Geral da ONU, Ban Ki-moon, disse que a vontade genuína do povo iraniano deve ser respeitada.

Ban afirmou que estava monitorando a situação e o pedido de uma investigação sobre a votação presidencial.

Líder Supremo

De acordo com a mídia local, o líder supremo do Irã e autoridade religiosa máxima, Aiatolá Khamenei, disse que os protestos devem acabar.

Na nota conjunta, os relatores da ONU pediram ao governo iraniano que modere o uso da força em excesso e as prisões arbitrárias para garantir o direito à liberdade de expressão e reunião no país.

A nota foi assinada pelos relatores Manuela Carmena Castrillo, Philip Alston, Frank La Rue, Manfred Nowak e Margaret Sekaggya.

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Siga-nos no Twitter! Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud