ONU liberta US$ 2 milhões para refugiados no Chade (Português África)

9 junho 2009

Montante vai ajudar cerca de 20 mil refugiados centro-africanos que fugiram para o Chade para escapar à violència no seu país.

Carlos Araújo, da Rádio ONU em Nova Iorque.

O Fundo Central de Resposta de Emergência da ONU, Cerf na sua sigla em inglês, libertou cerca de US$ 2 milhões para ajudar cerca de 20 mil refugiados que fugiram para o Chade para escapar à violência na vizinha República Centro-Africana.

O anúncio foi feito esta terça-feira em Genebra pela porta-voz do Escritório das Nações Unidas de Assistência Humanitária, Ocha, Elizabeth Byrs.

Crise Humanitária

Mais de metade daquele valor será canalizado para o Alto Comissariado para Refugiados, Acnur, e o Programa Alimentar Mundial, PAM. O Acnur usará o dinheiro para gerir um campo de refugiados no sudeste do país enquanto o PAM vai comprar comida para alimentar refugiados durante três meses.

As outras agências beneficiadas são a Organização Mundial da Saúde, OMS, o Fundo para a Infância,Unicef e o Fundo para a População, Unfpa.

A situação de segurança na República Centro-Africana tem vindo a agravar-se desde o fim de 2008, causando um aumento no fluxo de refugiados que fogem para o sudeste do Chade.

A região nordeste do país é também palco de uma grave crise humanitária causada pelas repercussões do conflito na província sudanesa de Darfur. Segundo dados da ONU, cerca de 250 mil refugiados sudaneses, 160 mil deslocados internos e 700 mil civis na área dependem da assistência humanitária internacional.

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Siga-nos no Twitter! Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud