Ban critica presidente do Irão por discurso em Genebra (Português para África)

20 abril 2009

Ban Ki-moon disse que actuação de Mahmoud Ahmadinejad numa conferência da ONU torna ainda mais difícil a criação de soluções construtivas para o problema do racismo.

Mônica Villela Grayley, da Rádio ONU em Nova Iorque*.

O Secretário-Geral da ONU, Ban Ki-moon, afirmou deplorar o uso da tribuna de uma conferência da organização pelo presidente do Irão, Mahmoud Ahmadinejad.

Segundo Ban, ele teria feito acusações, causado divisões e até incitado em seu discurso nesta segunda-feira durante a abertura da Conferência de Revisão de Durban sobre Racismo, Xenofobia e outras formas de Intolerância.

Protesto

Numa nota, emitida logo após o discurso, Ban disse que a actuação de Ahmadinejad torna ainda mais difícil a criação de soluções construtivas para o problema do racismo.

Segundo agências de notícias, o presidente do Irão teria descrito Israel como um "governo racista" provocando a saída de vários delegados da sala de reunião em sinal de protesto.

O Secretário-Geral da ONU disse que lamentava, profundamente, que o apelo dele para que os participantes da reunião pudessem olhar para o futuro não tenha sido ouvido pelo presidente iraniano.

Ele contou ainda que numa reunião com Ahmadinejad, antes do discurso, ele falou ao presidente sobre a importância de fazer da conferência uma causa comum de combate ao racismo.

Holocausto

Ban Ki-moon lembrou que a Assembleia Geral da ONU adoptou duas resoluções uma sobre a revogação da equação sionismo e racismo e outra reafirmando os factos históricos do Holocausto.

O Secretário-Geral disse que é hora de união para alcançar uma agenda eficiente de combate ao racismo e xenofobia.

No domingo, os Estados Unidos anunciaram que não participariam da reunião por discordar do texto do encontro.

Depois do anúncio do governo americano, outros países também informaram que não compareceriam à reunião, que termina nesta sexta-feira.

*Apresentação: Carlos Araújo, da Rádio ONU em Nova Iorque.

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Siga-nos no Twitter! Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud