Rio lança programa popular da casa própria
BR

17 abril 2009

Secretário municipal de Habitação, Jorge Bittar, diz que medida deve ajudar a reduzir número de habitantes de favelas; projeto segue apelo da ONU de tornar as moradias acessíveis aos mais pobres.

Michelle Alves de Lima, da Rádio ONU em Nova York.*

A Secretaria Municipal de Habitação do Rio de Janeiro anunciou que está lançando, nesta sexta-feira, um Centro de Atendimento para promover programas populares de compra da casa própria.

A informação foi dada à Rádio ONU pelo secretário da pasta, Jorge Bittar, logo após a participação dele na Conferência das Nações Unidas sobre Moradia Acessível, realizada no início deste mês em Nairóbi, no Quênia. Ele contou que a medida no Rio é parte do programa do governo federal batizado de "Minha casa, Minha Vida".

Procedimentos

"Nós aqui da cidade também estamos prontos para entrar em operação. No próximo dia 17 de abril, inauguraremos um Centro de Atendimento para a população da cidade, no qual as pessoas poderão se inscrever nos programas habitacionais e também poderão acompanhar todos os procedimentos para o financiamento de sua casa popular", disse ele.

Diminuir o número de pessoas que vivem em favelas e outras áreas carentes nas grandes cidades mundiais é um dos Objetivos de Desenvolvimento do Milênio da ONU. As metas fazem parte de uma agenda para erradicar ou eliminar males sociais até 2015.

Formas Seguras

O UN-Habitat tem pedido a governos em todo o mundo que invistam em formas seguras de habitação para as populações mais pobres.

Segundo Bittar, o novo sistema de financiamento da habitação popular, que entrou em vigor na última segunda-feira, está sendo operado em todo o país pela Caixa Econômica Federal.

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Siga-nos no Twitter! Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud