Banco Mundial quer mais investimentos para o Iraque
BR

8 abril 2009

Executivos dizem que comércio pode ajudar país a se recuperar dos desafios causados após o conflito em 2003.

Michelle Alves de Lima, da Rádio ONU em Nova York.*

O Banco Mundial informou que enviará uma equipe ao Iraque, nesta  semana, para discutir o potencial de investimento e o compromisso do órgão em ajudar na recuperação econômica do país.

A delegação deve se reunir com empresários, representantes do governo iraquiano e integrantes da Comissão Nacional de Investimentos do Iraque.

Situação Ambiental

Em seguida, os representantes do Banco Mundial irão avaliar a situação ambiental de algumas áreas do país para fornecer mais informações a futuros investidores.

Uma das preocupações atuais é com situação de minas antipessoais.

Segundo as Nações Unidas, existem mais de 1,7 mil km2 de áreas minadas no Iraque.

Os explosivos estão contaminando terras aráveis e até campos de petróleo. Cerca de 1,6 milhão de iraquianos estão sendo afetados pelo problema.

Unicef

Desde que o Iraque assinou o Tratado sobre Proibição de Minas, em fevereiro de 2008, aproximadamente 20 mil km2 já foram desminados por organizações nacionais e internacionais.

Agências da ONU como o Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento, Pnud, e o Fundo das Nações Unidas para a Infância, Unicef, também coordenam programas de limpeza de minas deixadas no país após anos de conflitos.

*Apresentação: Mônica Villela Grayley, da Rádio ONU em Nova York.

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud