ONU renova missão no Timor-Leste por um ano
BR

26 fevereiro 2009

Decisão foi anunciada, nesta quinta-feira, pelo Conselho de Segurança; em 2009, faz 10 anos que as Nações Unidas começaram a atuar na ex-colônia portuguesa.

Mônica Villela Grayley, da Rádio ONU em Nova York.

O Conselho de Segurança da ONU anunciou, em Nova York, a renovação por mais um ano do mandato da missão no Timor-Leste, Unmit.

A resolução foi adotada, por unanimidade, dias após um debate sobre a situação política na ex-colônia portuguesa.

Novos Papéis

Participaram da reunião, no último dia 18, o presidente timorense e Prêmio Nobel da Paz, José Ramos Horta, e o Secretário-Geral da ONU, Ban Ki-moon.

Os países-membros do Conselho de Segurança pediram à Unmit que dê apoio logístico às eleições no Timor, marcadas para este ano.

O órgão também recomendou continuidade na reforma do setor de segurança incluindo a formação de novos papéis para as Forças Nacionais de Defesa e da Polícia National do Timor-Leste, Pntl.

O novo comissário da polícia das Nações Unidas no país, Luís Carrilho, disse à Rádio ONU, antes da decisão do conselho, que pretende reforçar a capacidade da corporação. Segundo ele, os países de língua portuguesa podem vir a contribuir ainda mais com especialistas.

Especialidades

"Enquanto Nações Unidas, uma ou outra especialidade que se precise, em termos de polícia, poderá a ser pedido por um ou outro país de língua portuguesa. O fato de falar português poderá ajudar em determinadas áreas em nível de formação", disse.

Uma outra recomendação da ONU é a reforma do setor de justiça e o reforço das instituições timorenses.

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Siga-nos no Twitter! Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud