Emissário de Ban Ki-moon regressa ao Madagáscar

26 fevereiro 2009

Haile Menkerios já se encontra em Antananarivo; trata-se da sua segunda missão ao país em menos de três semanas.

Carlos Araújo, da Rádio ONU em Nova Iorque.

O Secretário-Geral da ONU, Ban Ki-moon, decidiu enviar um emissário para o Madagáscar para ajudar as autoridades a resolverem a crise política no país.

A decisão foi anunciada esta quinta-feira no aeroporto de Joanesburgo, na África do Sul, antes da partida de Ban para a Tanzânia. Ela seguiu-se a conversações com uma delegação malgaxe que incluia os ministros dos negócios estrangeiros e das finanças.

Ban Ki-moon enviou Haile Menkerios, o Secretário-Geral assistente para Assuntos Políticos, que fazia parte da sua delegação no périplo a Àfrica. Ele já se encontra em Antananarivo para a sua segunda missão ao país.

Confrontos

Menkerios já tinha visitado o Madagáscar de 7 a 10 deste mês, onde se reuniu com os principais actores da crise malgaxe.

A violência na capital, Antananarivo, que já fez dezenas de vítimas, foi provocada por confrontos entre apoiantes do actual presidente, Marc Ravalomanana e o presidente da câmara da capital, Andry Rajoelina.

Depois da sua visita de 24 horas à África do Sul, Ban Ki-moon chegou esta quinta-feira à Tanzânia para discussões com o presidente Jakaya Kikwete.

Ele vai também visitar Arusha, sede do tribunal internacional para o Ruanda e sobrevoar o monte Kilimanjaro, para ver os efeitos das mudanças climáticas na montanha conhecida como o "tecto de África".

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Siga-nos no Twitter! Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud