Nações Unidas prestam solidariedade à Austrália
BR

11 fevereiro 2009

Ban Ki-moon emitiu nota manifestando pesar por mais de 180 mortes e centenas de feridos após incêndios florestais no estado de Vitória, no sul do país.

Mônica Villela Grayley, da Rádio ONU em Nova York.*

As Nações Unidas manifestaram solidariedade às famílias das vítimas de uma série de incêndios florestais na Austrália.

Por meio de uma nota, o Secretário-Geral da ONU, Ban Ki-moon, disse que estava profundamente triste com a morte de pelo menos 180 pessoas e os casos de centenas de feridos pelo fogo.

Cenário de Destruição

Os incêndios ocorreram, em sua maioria, no estado de Vitória, no sul do país, durante o fim de semana.

Segundo agências de notícias, a polícia está tentando impedir a volta de muitos à casa por causa do cenário de destruição e choque.

Vários corpos carbonizados ainda estão à espera de remoção.

O primeiro-ministro australiano, Kevin Rudd, descreveu os incêndios como "assassinato em massa".

Mil Casas

Segundo a mídia local, muitos sinistros teriam começado de forma criminosa.

A polícia australiana iniciou uma operação para prender os suspeitos e isolou várias áreas de incêndio como "cenas de crime".

Dezenas de focos de incêndio continuam acesos apesar dos esforços dos bombeiros.

Quase mil casas foram destruídas pelo fogo, considerado o pior incêndio florestal da história da Austrália.

*Apresentação: Leda Letra, da Rádio ONU em Nova York.

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud