OMS alerta sobre surto de sarampo na Alemanha
BR

3 fevereiro 2009

Segundo agência da ONU, mais de 80% dos casos em 2006 surgiram em pessoas que não tomaram vacina contra doença.

Mônica Villela Grayley, da Rádio ONU em Nova York.

A Organização Mundial da Saúde informou que um surto de sarampo, registrado na Alemanha, está ajudando a reforçar o alerta para a necessidade de vacinação contra a doença.

Segundo a OMS, mais de 80% dos 614 casos de contaminação, notificados na cidade de Duisburg, no centro-oeste do país, há dois anos, eram de pessoas que não tomaram a vacina.

Um porta-voz do Departamento de Imunização da OMS, Peter Strebel, disse que o sarampo ainda causa cerca de 197 mil mortes anualmente. A maioria em crianças com menos de cinco anos de idade.

Strebel disse ainda que mesmo crianças bem-nutridas e saudáveis podem contrair o sarampo caso não tenham sido imunizadas. A doença também causa riscos de outras complicações como, por exemplo, a pneumonia.

De acordo com a agência da ONU, os casos de sarampo na Alemanha teriam surgido, na maiora das vezes, por esquecimento dos pais de levar os filhos para vacinar ou por opção de não imunizar as crianças por considerar que a vacina era perigosa.

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud