Liga Árabe chega à ONU para discutir Faixa de Gaza
BR

5 janeiro 2009

Ministros das Relações Exteriores do Oriente Médio participarão de vários encontros em Nova York; Ban Ki-moon lamentou falta de acordo durante sessão de emergência no Conselho de Segurança no sábado.

Mônica Villela Grayley, da Rádio ONU em Nova York.

Representantes da Liga Árabe se reúnem, nesta segunda-feira, em Nova York, com o Secretário-Geral da ONU, Ban Ki-moon, para debater a situação na Faixa de Gaza.

No sábado, tropas de Israel entraram no território palestino. Segundo o Exército israelense, a ofensiva está ocorrendo agora por terra, mar e ar.

Foguetes

De acordo com agências de notícias, pelo menos 500 pessoas morreram e cerca de 2 mil estão feridas.

O Secretário-Geral da ONU, Ban Ki-moon, emitiu uma nota lamentando que o Conselho de Segurança não tenha chegado a um acordo na reunião de emergência, realizada no sábado, para debater o assunto.

Ban voltou a pedir o fim do conflito e disse que a situação humanitária em Gaza é preocupante.

A operação de Israel, que começou no último dia 27, é uma resposta aos ataques com foguetes por militantes palestinos contra o sul do país.

Escalada

O coordenador especial da ONU para o Processo de Paz no Oriente Médio, Robert Serry, disse a jornalistas, na sexta-feira, que os foguetes já estavam atingindo até 40km de distância dentro de Israel.

Perguntado sobre a possibilidade de um ataque terrestre, um dia antes da operação, Serry afirmou que a medida agravaria ainda mais a situação.

Robert Serry disse que o ataque por terra deve escalar a violência, que segundo ele tem que parar imediatamente.

O presidente da Autoridade Nacional Palestina, Mahmoud Abbas, está a caminho de Nova York para participar das reuniões na ONU sobre uma solução para o conflito em Gaza.

A região é controlada pelo movimento islâmico Hamas enquanto a Autoridade Nacional Palestina, liderada pela facção Fatah, controla a Cisjordânia.

O coordenador especial da ONU em Jerusalém disse que um acordo de cessar-fogo deve incluir também a reunificação palestina.

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Siga-nos no Twitter! Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud