Líderes islâmicos debatem em Doha BR

Líderes islâmicos debatem em Doha

Reunião com 300 participantes é co-organizada pela Aliança das Civilizações das Nações Unidas; participantes preparam carta aberta a dirigentes mundiais.

Mônica Villela Grayley, da Rádio ONU em Nova York.

Começa nesta sexta-feira em Doha, no Catar, uma conferência internacional para debater o futuro do Islã no mundo.

A reunião, “Mudança de Dentro: Líderes Muçulmanos do Amanhã Anunciam Sua Agenda”, está sendo co-organizada pela Aliança das Civilizações das Nações Unidas.

Investimento

Entre as propostas está um grande diálogo com as várias correntes do islamismo.

O membro fundador da Aliança das Civilizações, professor Cândido Mendes, disse à Rádio ONU, do Rio de Janeiro, que o investimento na educação de jovens é fundamental para evitar mais atos de violência.

Coexistência das Culturas

Na hora em que um terrorista é visto como um mártir do Islã, esta situação mostra que nós temos muito caminho a percorrer dentro desta linha. Nós estamos vendo um limite de incompreensão e de abismo, onde ainda estamos longe de uma verdadeira coexistência das culturas, se continuarmos no extremismo terrorista”, afirmou.

Os participantes da conferência no Catar pretendem divulgar uma carta aberta aos líderes mundiais com várias propostas.

Entre as recomendações estão a identificação de valores comuns, o combate ao extremismo violento e a tentativa de definir a autoridade religiosa no islamismo.

O encontro em Doha deve terminar na próxima segunda-feira.