RD Congo recebe ajuda de emergência da ONU

23 dezembro 2008

Numa operação de transporte que durou 11 dias, o Acnur e Unicef conseguiram entregar auxílio a milhares de deslocados isolados em região remota da RD Congo.

João Rosário, da Rádio ONU em Nova Iorque.

O Alto Comissariado da ONU para Refugiados, Acnur, anunciou que conseguiu entregar, nos últimos dias, 23 toneladas de ajuda de emergência a 8,6 mil pessoas que se encontravam isoladas no distrito de Dungu, província de Orange, na República Democrática do Congo.

Segundo o Acnur, as pessoas fugiram das suas casas na sequência de confrontos entre as forças armadas da RD Congo, do Uganda e do Sul do Sudão contra o movimento rebelde Exército de Resistência do Senhor, LRA, em Dungu.

População Isolada

A operação, organizada pelo Acnur e pelo Fundo das Nações Unidas para a Infância, Unicef, contou com cinco camiões que partiram de Bunia e demoraram 11 dias a percorrer 700 km para fazer chegar a ajuda à população.

O carregamento contava com reservas de água, utensílios de cozinha e abrigos que vão ser distribuidos ao longo da semana.

O Acnur diz que é preocupante a situação de centenas de famílias vulneráveis que vivem em aldeias isoladas na região nordeste de Dungu, sobretudo os idosos e deficientes que não conseguem fugir.

A agência da ONU suspeita que haja pessoas a dormir ao relento e que muitas estarão a precisar de cuidados médicos e comida.

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud