Unicef pede mais segurança para prédios escolares (Português para o Brasil)

24 dezembro 2008

Fundo das Nações Unidas para a Infância informou que milhares de escolas desabaram este ano, a maioria em desastres naturais como ciclones e terremotos.

Mônica Villela Grayley, da Rádio ONU em Nova York.

As Nações Unidas lançaram um alerta sobre a segurança de escolas em todo o mundo.

Segundo uma nota do Fundo das Nações Unidas para a Infância, Unicef, publicada nesta terça-feira, somente em 2008 milhares de prédios escolares desabaram, a maioria durante desastres naturais como ciclones e terremotos.

Haiti

Para o Unicef, a destruição de colégios tem efeitos desastrosos para as crianças que além de passar por traumas ainda têm o

processo educacional interrompido.

A agência da ONU citou os casos do terremoto, ocorrido em maio, na província de Sichuan, na China, que matou milhares de crianças. Cerca de 12 mil escolas foram danificadas, o equivalente a 40% de todos os colégios da região.

Num outro país asiático, Mianmar, a antiga Birmânia, o número de escolas afetadas pelo ciclone Nargis ultrapassou 4 mil. E mais de 30 mil crianças foram atingidas durante o terremoto na província de Baluquistão, no Paquistão.

Já no Caribe, o desabamento de uma escola no Haiti matou mais de 90 alunos e professores, no mês passado.

Os furacões que atravessaram a ilha em agosto e setembro danificaram quase 1 mil colégios. O Unicef pediu o reforço na infra-estrutura dos prédios para evitar mais desastres.

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Siga-nos no Twitter! Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud