Israel reabre cruzamentos em Gaza, diz ONU
BR

26 dezembro 2008

Medida permitiu passagem de mais de 105 caminhões com carregamentos de comida e remédios.

Mônica Villela Grayley, da Rádio ONU em Nova York.

O Escritório do Coordenador Especial das Nações Unidas para o Processo de Paz no Oriente Médio, Unsco, informou que Israel reabriu na sexta-feira cruzamentos para a cidade de Gaza.

A medida, após nove dias de fechamento, permitiu a passagem de carregamentos de remédios e comidas para os moradores da região.

Médicos

O Programa Mundial de Alimentos, PMA, enviou seis caminhões de trigo e sal além de três carregamentos de suprimentos médicos, doados pela Organização Mundial da Saúde, OMS.

O governo israelense informou que o fechamento foi feito por causa dos ataques com foguetes, realizados por militantes em Gaza.

Segundo a ONU, este foi o maior período de obstrução das passagens para os territórios palestinos desde junho do ano passado, quando o movimento islâmico Hamas assumiu o controle da Faixa de Gaza.

O Secretário-Geral da ONU, Ban Ki-moon, pediu a Israel que permita a entrega de ajuda humanitária a mais de 1,5 milhão de civis em Gaza.

Combustível

De acordo com a Unsco, o fechamento das passagens deixou a região sem eletricidade por causa da falta de combustível.

A Agência das Nações Unidas de Assistência aos Refugiados Palestinos, Unrwa, aproveitou a abertura dos cruzamentos para enviar pacotes de arroz e leite para os refugiados de Gaza.

Desde o fim do cessar-fogo entre Hamas e Israel, dezenas de ataques com foguetes já foram realizados contra o sul do país.

Numa nota, Ban Ki-moon disse que a situação preocupa e pediu aos dois lados que restaurem a calma.

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud