América do Sul é campeã em homicídios, diz Unodc (Português para o Brasil)

30 dezembro 2008

Ao lado da América Central e do Sul da África, região concentra uma das maiores taxas de assassinatos em nível global.

Mônica Villela Grayley, da Rádio ONU em Nova York.

Uma pesquisa do Escritório das Nações Unidas sobre Drogas e Crime, Unodc, sugere que as Américas Central e do Sul registram o maior número de casos de homicídio do mundo.

O estudo, baseado em dados levantados em 198 países, também aponta o Sul da África como área recorde em assasinatos.Segundo o documento, são 25 homicídios para cada 100 mil habitantes.

Metodologias

De acordo com o Unodc, as regiões com os níveis mais baixos de homicídios são o centro, o sudeste e o oeste da Europa além do leste da Ásia.

Segundo o Unodc, estatísticas sobre este tipo de crime são fundamentais para a formulação de políticas e de pesquisa.

A agência da ONU afirma que com base nestes dados, os sistemas penal e judicial podem estudar tendências e apresentar respostas para o problema.

Durante a pesquisa, o Unodc constatou que os dados são coletados pelo sistema penal e por agências de saúde pública. E que nem sempre os números são idênticos devido a metodologias diferentes.

Para a agência, o estudo é uma tentativa de produzir estatísticas mais exatas em nível internacional.

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud