Missão no Darfur completa 60% dos efectivos esperados (Português para a África)

30 dezembro 2008

Com a chegada de elementos de uma companhia militar de transportes da Etiópia, a missão da ONU e da UA no Darfur atinge 60% do total de capacetes-azuis aguardados; Ban Ki-moon espera que a força tenha mais equipamentos em breve.

João Rosário, da Rádio ONU em Nova Iorque.

A Missão Conjunta da ONU e da União Africana no Darfur, Unamid, informou que já tem estacionados 60% dos efectivos previstos para aquela província do Sudão.

Na última semana, 45 soldados etíopes juntaram-se aos capacetes-azuis no Darfur, totalizando 12.242 militares em funções debaixo do comando conjunto da ONU e da UA.

Previsão

O número total de efectivos esperados para a Unamid são 26 mil soldados e polícias para a missão.

O Secretário-Geral da ONU, Ban Ki-moon, expressou na última conferência de imprensa oficial, em Nova Iorque, o desejo de ter o contingente mais operacional no futuro.

Ban Ki-monn disse que desejava que o número de capacetes-azuis totalizasse 85% em Março, e disse ainda que falta à Unamid equipamento como helicópteros. Ban reconheu que as rivalidades entre as partes tornam difícil uma solução política e não melhora as condições da população do Darfur.

A ONU diz que o conflito no Darfur já provocou cerca de 300 mil mortos e 2,7 milhões de refugiados, desde 2003.

Logística

O reforço etíope é composto por elementos da companhia de meios de transporte e tem como missão imediata o trânsito de carga entre as várias bases logísticas da Unamid.

O contributo da Etiópia para a missão no Darfur inclui uma unidade de engenharia, um batalhão de infantaria e uma companhia logística.

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud