Relatores da ONU pedem fim da violência contra 'ciganos' (Português para o Brasil)

Relatores da ONU pedem fim da violência contra 'ciganos' (Português para o Brasil)

Nesta segunda-feira, pessoas armadas com pedras e bombas cercaram uma comunidade de ciganos na cidade de Litvinov, na República Tcheca; a violência foi impedida pela polícia local.

Samantha Barthelemy, da Rádio ONU em Nova York.

Os relatores das Nações Unidas para Direitos Humanos, Gay McDougall e Githu Muigai, declararam, nesta quinta-feira, estar extremamente preocupados com o aumento da violência contra pessoas da comunidade Roma e Sinti, também conhecidas como ciganos, na Europa.

McDougall, que é relatora independente para assuntos de minorias, afirmou que são necessárias ações eficazes para pôr fim à hostilidade e violência contra a comunidade Roma. E que a justiça deve impedir esta forma de extremismo.

Marginalização

Segundo Muigai, os incidentes de violência revelam a seriedade do problema do racismo e discriminação na Europa.

Nesta segunda-feira, pessoas armadas com pedras e bombas cercaram uma comunidade de ciganos na cidade de Litvinov, na República Tcheca. De acordo com as Nações Unidas, a violência foi impedida pela polícia local.

Os relatores para Direitos Humanos afirmaram que as políticas e ações de vários países europeus são inadequadas para resolver as condições de pobreza, marginalização e exclusão enfrentadas pela minoria.