Emissão de carbono atingiu recorde em 2007, diz ONU

25 novembro 2008

Agência da ONU para mudanças climáticas revela que níveis de dióxido de carbono na atmosfera subiram 0,5 % no ano passado; o valor mais alto até o momento.

João Rosário, da Rádio ONU em Nova York.

A Organização Meteorológica Mundial, OMM, anunciou que a libertação de carbono para a atmosfera atingiu o maior nível de sempre em 2007, ao mesmo tempo que continuou a aumentar a emissão de gases com efeito de estufa.

De acordo com uma publicação, lançada esta terça feira pela OMM, a quantidade de dióxido de carbono na atmosfera aumentou 0,5 por cento relativamente ao ano anterior.

Radiações

Segundo a Organização Meteorológica Mundial, OMM, o uso de combustíveis fósseis e outras actividades humanas são responsabilizadas pela emissão de gases poluentes, que retêm as radiações permitindo o aquecimento do planeta.

O estudo da OMM avançou que os níveis de dióxido de carbono na atmosfera aumentaram 37% nos últimos 25 anos, mas revela que ainda é cedo para saber se há também um aumento dos valores de gases como o metano ou outros gases responsáveis pelo aquecimento global, cujos níveis têm flutuado ao longo da última década.

As Nações Unidas estão a liderar negociações para formatar a segunda fase do Protocolo de Kyoto, que prevê a redução de emissões de gases que causam o efeito estufa. A próxima reunião sobre o tema ocorre em dezembro, em Poznan, na Polônia.

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Siga-nos no Twitter! Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud