Nações Unidas reafirmam compromisso de combater terrorismo (Português para o Brasil)

Nações Unidas reafirmam compromisso de combater terrorismo (Português para o Brasil)

Declaração foi feita pelo Conselho de Segurança após atentados que mataram pelo menos 130 pessoas em Mumbai, na Índia.

Mônica Villela Grayley, da Rádio ONU em Nova York.

Os 15 países-membros do Conselho de Segurança da ONU divulgaram uma declaração condenando os ataques terroristas em Mumbai, considerada o centro financeiro da Índia.

Os múltiplos ataques, incluindo um contra o hotel de luxo Taj Mahal Palace, mataram pelo menos 130 pessoas.

Novas Explosões

Leia o boletim de Eduardo Costa.

“Na declaração, publicada na quinta-feira, o Conselho de Segurança pediu que os responsáveis e patrocinadores dos ataques sejam levados à Justiça.

O órgão também reafirmou sua determinação para combater todas as formas de terrorismo de acordo com os parâmetros da Carta das Nações Unidas.

Segundo agências de notícias, novas explosões e tiroteios foram ouvidos nesta sexta-feira. E tropas especiais da polícia continuam tentando libertar vários reféns.

A polícia indiana informou que quase 400 pessoas ficaram feridas desde o início dos ataques na quarta-feira.

Hospital

Dezenas de hóspedes estrangeiros que estavam no Hotel Oberoi/Trident, também alvo dos atentados, foram resgatados pela polícia, que teve que usar helicópteros e tropas especiais. Ao todo, foram atacados sete prédios em Mumbai incluindo um hospital e um centro judaico.”

Na quarta-feira, logo após os ataques o Secretário-Geral da ONU, Ban Ki-moon, afirmou que a violência é inaceitável e disse que não existe justificativa para atentados indiscriminados contra civis.

Os ataques terroristas em Mumbai foram condenados também pelo diretor-gerente do Fundo Monetário Internacional, FMI, Domique Strauss-Kahn e pelo secretário-geral da Organização Mundial do Turismo, OMT, Francesco Frangialli.