Dia da Não-Violência

Dia da Não-Violência

Data marcada em 2 de outubro coincide com aniversário do líder indiano, Mahatma Ghandi.

Mônica Villela Grayley, da Rádio ONU em Nova York.

A ONU comemora nesta sexta-feira o Dia Internacional da Não-Violência.

A data coincide com o aniversário do líder pacifista da Índia, Mahatma Ghandi.

Direitos Humanos

Numa mensagem, o Secretário-Geral da ONU, Ban Ki-moon, afirmou que existe uma ligação profunda entre os princípios da Declaração Universal dos Direitos Humanos e àqueles praticados por Ghandi.

Ban disse ainda que a resposta para o líder da independência indiana sempre podia ser encontrada na ação. E pediu que o mundo imite o espírito de Ghandi de não-violência, justiça e paz.

Em dezembro, a ONU irá comemorar os 60 anos da Declaração Universal dos Direitos Humanos. E segundo Ban Ki-moon, o legado de Mahatma Ghandi se torna ainda mais importante quando muitos ao redor do mundo ainda sofrem com violações de seus direitos.

Sessão Especial

O novo presidente da Assembléia Geral, Miguel d’Escoto disse que o ex-ativista e pastor americano, Martin Luther King seguiu os ensinamentos de Ghandi durante a luta contra a segregação racial nos Estados Unidos.

O Dia Internacional da Não-Violência foi comemorado, antecipadamente na quinta-feira, com uma sessão especial na Assembléia Geral.