Reunião da ONU busca respostas para crime organizado

Reunião da ONU busca respostas para crime organizado

Encontro, em Viena, conta com representantes de 147 países, para analisar avanços no combate ao tráfico generalizado.

Mônica Villela Grayley, da Rádio ONU em Nova York. *

O Escritório das Nações Unidas contra Drogas e Crime, Unodc, iniciou nesta quarta-feira, em Viena, na Áustria, um encontro para discutir os avanços no combate ao crime organizado internacional.

O evento reúne representantes de 147 países-signatários da Convenção de Palermo, que entrou em vigor em 2003.

Contrabando

Leia o boletim de Eduardo Costa, da Rádio ONU em Nova York.

“Durante oito dias, especialistas e autoridades de todo o mundo irão rever a implementação de instrumentos legais de combate ao tráfico de drogas e seres humanos, à falsificação de mercadorias e produtos, contrabando de armas e tráfico de migrantes.

A Convenção das Nações Unidas contra o Crime Organizado Transnacional, também conhecida como Convenção de Palermo, obriga os países que firmaram o documento a criar legislações contra lavagem de dinheiro, corrupção e obstrução da justiça, além de mecanismos de extradição e ajuda mútua.

A conferência em Viena também deve lançar acordos de cooperação e treinamento entre vários países no combate ao crime organizado.”

A reunião do Unodc, em Viena, termina no próximo dia 17.

Apresentação*: Yara Costa, Rádio ONU em Nova York.