Unicef faz campanha de educação no trânsito do Irã (Português para o Brasil)

10 outubro 2008

Acidentes causam 28 mil mortes por ano no país, 20 vezes mais que a média mundial; em 2006, quase 10% das vítimas tinham menos de 15 anos de idade.

Samantha Barthelemy, da Rádio ONU em Nova York.*

O Fundo das Nações Unidas para a Infância, Unicef, no Irã, lançou uma iniciativa de educação no trânsito do país. Cerca de 10% das vítimas fatais de acidentes de trânsito no Irã têm menos de 15 anos.

A iniciativa foi lançada para marcar o Dia da Criança, celebrado na última quarta-feira, em vários países.

Acidentes

Segundo o Unicef, acidentes de trânsito causam 28 mil mortes por ano no Irã, 20 vezes mais que a média mundial. Em 2006, quase 10% das vítimas eram crianças. O saldo de menores feridos chega a 95 mil.

O representante do Unicef no país, Christian Salazar, pediu cooperação de instituições nacionais e sociedade civil para responder à situação. E disse que autoridades iranianas já estão trabalhando com o Unicef na iniciativa de conscientização.

Planejamento

Segundo a agência, a participação de crianças e adolescentes é importante para o planejamento de cidades e projetos de avaliação de segurança.

De acordo com o Unicef, os jovens podem agir como porta-vozes da boa conduta no trânsito, conscientizando seus pais sobre as responsabilidades do motorista.

Apresentação*: Mônica Villela Grayley, Rádio ONU em Nova York.

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Siga-nos no Twitter! Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud