Ban pede paciência com situação sobre Geórgia (Português para o Brasil)

15 outubro 2008

Secretário-Geral da ONU (foto) diz em Genebra que levará tempo para tratar todos os aspectos do conflito que começou em agosto.

Samantha Barthelemy, da Rádio ONU em Nova York.

O Secretário-Geral das Nações Unidas, Ban Ki-moon, afirmou nesta terça-feira que é preciso paciência para lidar com a situação da Geórgia após o conflito na Ossétia do Sul, que começou em 7 de agosto.

Ban fez a declaração antes do encontro de alto-nível, em Genebra, com representantes da Geórgia, da Rússia, da União Européia e da Organização para a Segurança e Cooperação na Europa, além das Nações Unidas.

Diálogo

O Secretário-Geral afirmou que os participantes não devem buscar uma solução rápida para a questão. E disse que as reuniões são apenas um começo e que é preciso tempo para lidar com todos os aspectos do conflito.

Segundo Ban, a curto prazo, o importante é restaurar a confiança entre as partes envolvidas para o estabelecimento de um bom processo de resolução de conflito.

Ele elogiou o consenso para resolver a questão através do diálogo. E disse que o acordo iniciado pelo presidente francês, Nicolas Sarkozy, e o presidente russo, Dmitri Medvedev, oferece uma boa estrutura para o início das conversações.

Num relatório recente, Ban afirmou que as mudanças causadas pelo conflito na Ossétia do Sul tornaram incerto o futuro da Missão Observadora na Geórgia, Unomig.

O Conselho de Segurança estendeu o mandato da missão, presente no país desde 1993, até 15 de fevereiro de 2009.

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Siga-nos no Twitter! Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud