Tensão no Corno da África pode aumentar, diz ONU

19 setembro 2008

Missão de avaliação que visitou fronteira entre Eritreia e Djibuti diz que é preciso conter os conflitos na área.

Cátia Marinheiro, Rádio ONU em Nova York.

Uma missão de avaliação das Nações Unidas alertou que a situação na fronteira da Eritreia com o Djibuti continua tensa.

O grupo visitou a região na semana passada e afirmou que se não forem tomadas medidas rápidas, e de forma eficaz, o problema entre os dois países do Corno da África pode ter impactos muito negativos na região.

Tropas

Em Junho, 35 pessoas morreram e dezenas ficaram feridas em confrontos. De acordo com a equipa da ONU, os combates podem colocar em perigo a paz no local.

As movimentações das tropas da Eritreia e do Djibuti concentram-se numa zona chamada Doumeira, onde as fronteiras dos dois países não estão definidas.

De acordo com o relatório da missão de avaliação, as Nações Unidas deveriam tentar convencer os dois governos a retirarem as suas tropas do local.

Nesta quinta-feira, o Fundo Monetário Internacional aprovou a entrega de cerca de US$ 20 milhões para apoiar o Djibuti na luta contra a pobreza.

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Siga-nos no Twitter! Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud