Coreia do Norte suspende inspecções da Aiea

Coreia do Norte suspende inspecções da Aiea

Agência Internacional de Energia Atómica retira equipamento de vigilância numa central nuclear na Coreia do Norte, a pedido do governo local.

Cátia Marinheiro, Rádio ONU em Nova York.

A Agência Internacional de Energia Atómica, Aiea, informou ter retirado um selo de protecção e as câmaras de vigilância interna da central nuclear de Yongbyon, na Coreia do Norte.

A medida da agência, anunciada nesta quarta-feira, foi tomada a pedido do governo norte-coreano que decidiu reactivar as actividades da central, já na próxima semana.

Plutónio

A Coreia do Norte também informou que, a partir de agora, os inspectores da Aiea não terão mais acesso ao local.

A central de Yongbyon é a mais importante do país asiático.

Em Novembro do ano passado, o governo norte-coreano anunciou que estava a desmantelar o reactor nuclear, com capacidade para construção de plutónio e outras armas atómicas.

Mas na última sexta-feira, o país decidiu retomar as actividades nucleares.