Perspectiva Global Reportagens Humanas

Acidente com barco mata 52 no Golfo de Áden (Português para África)

Acidente com barco mata 52 no Golfo de Áden (Português para África)

Alto Comissariado das Nações Unidas para Refugiados, Acnur, diz que embarcação transportava pelo menos 124 passageiros da Somália.

Patrícia Fonseca, da Rádio ONU em Nova York.

O Alto Comissariado das Nações Unidas para os Refugiados, Acnur, informou que pelo menos 52 pessoas morreram num acidente com um barco a caminho do Iémen.

O incidente registou-se no decorrer da travessia do Golfo de Aden após os passageiros terem sido deixados à deriva. De acordo com o Acnur, a embarcação transportava 124 pessoas vítimas de tráfico humano.

Deriva

De acordo com sobreviventes, o barco teria deixado a Somália no último dia 3, mas a viagem foi interrompida após a tripulação ter anunciado problemas com o motor. A tripulação não retornou à embarcação e deixou os passageiros por 18 dias sem água ou comida.

O salvamento chegou no dia 21 de Setembro, através da guarda costeira de Shihra, já na costa do Iémen.

Testemunhas dizem que os mortos foram lançados ao mar.

De acordo com o Acnur, só este ano, mais de 31 mil somalis chegaram ao Iémen por barcos comandados por traficantes de seres humanos.

Mais de 220 pessoas morreram e outras 262 estão desaparecidas.