Alto comissário da ONU visitará Geórgia e Rússia BR

Alto comissário da ONU visitará Geórgia e Rússia

Chefe de agência para refugiados, António Guterres (foto), deverá ver de perto situação de deslocados internos e afetados pelo conflito na Ossétia do Sul.

João Duarte, Rádio ONU em Nova York.*

O Alto Comissariado das Nações Unidas para Refugiados, Acnur, informou que o chefe da agência, António Guterres, viajará à Geórgia e à Rússia.

O Acnur ainda não anunciou a data da visita, que deve ocorrer à província separatista da Ossétia do Sul e à cidade de Gori. Guterres também se reunirá com autoridades do governo russo em Moscou.

Impacto

O anúncio foi feito pelo porta-voz de Ban Ki-moon, em Nova York, nesta quinta-feira.

Na mesma nota, Ban afirmou que está extremamente preocupado com o impacto humanitário do conflito, que começou na semana passada, sobre a população civil.

As Nações Unidas informaram que estão preparadas para responder as necessidades humanitárias dos afetados.

De acordo com o representante do Secretário-Geral da ONU para Direitos Humanos de Deslocados Internos, Walter Kaelin, a violência na Geórgia colocou 100 mil pessoas sob perigos constantes.

Os deslocados estão com dificuldades de conseguir abrigos, cuidados médicos e alimentos.

Nesta quinta-feira, o Acnur enviou mais um vôo com ajuda humanitária à capital de Geórgia, Tbilisi com 32 toneladas de material incluindo tendas.

Apresentação*: Mônica Villela Grayley, Rádio ONU em Nova York.