Nações Unidas lançam base de dados sobre produtos criativos

15 agosto 2008

Iniciativa partiu da Conferência da ONU sobre Comércio e Desenvolvimento, Unctad.

Marta Barroso, Rádio ONU em Nova York.

A Conferência das Nações Unidas sobre Comércio e Desenvolvimento, Unctad, lançou uma base de dados aberta ao público para produtos criativos.

Segundo a Unctad, as mercadorias criativas são produzidas pelo chamado capital intelectual ligado às artes, à música, artesanato, cinema etc.

Exportadores e Importadores

A página na internet mostra o desenvolvimento do comércio global entre 1996 e 2006, incluindo os maiores exportadores e importadores do mercado criativo.

A chefe do programa de Economia e Indústrias Criativas da Unctad, Edna dos Santos-Duisenberg, explicou à Rádio ONU, de Genebra, o objectivo da inicitiava.

“O primeiro passo no sentido de sensibilizar os governos da importância do sector na economia para gerar empregos, divisas e principalmente também para gerar inclusão social, porque nós estamos a falar de um sector que tem muita importância entre as questões culturais, económicas e tecnológicas”, explicou.

O Relatório de Economia Criativa de 2008 , publicado em Abril pela Unctad e pelo Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento, Pnud, mostra que o comércio global de produtos e serviços criativos cresceu 8,7% entre 2000 e 2005, tornando-o um dos mais importantes sectores do comércio mundial.

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud