Enviado especial de Ban Ki-moon chega a Mianmar (Português para o Brasil)

Enviado especial de Ban Ki-moon chega a Mianmar (Português para o Brasil)

Ibrahim Gambari (foto) se reunirá com autoridades birmanesas e outras partes do processo de reconciliação nacional.

João Duarte & Mônica Villela Grayley, Rádio ONU em Nova York.

O conselheiro especial do Secretário-Geral da ONU sobre Mianmar, Ibrahim Gambari, chegou ao país, nesta segunda-feira, para uma visita oficial de cinco dias.

Esta é a quarta vez que Gambari viaja a Mianmar desde setembro passado, quando, segundo o governo birmanês, dezenas de pessoas morreram após a repressão de protestos pacíficos organizados por monges budistas para pedir democracia.

Protestos

Mas segundo informações não-confirmadas, a resposta aos protestos teria causado a morte de milhares de pessoas.

Gambari se reunirá com autoridades birmanesas e outras partes do processo de reconciliação nacional.

Mianmar, a antiga Birmânia, é liderado por uma junta militar, e mantém em prisão domiciliar a líder da oposição e Prêmio Nobel da Paz, Aung San Suu Kyi.

Em março, Gambari se reuniu com Suu Kyi.

Em julho, o Secretário-Geral da ONU, Ban Ki-moon, convocou um encontro com vários países para debater a situação em Mianmar. Entre eles, Japão, Índia, Indonésia, França e China.