Aiea promove simulação de acidente nuclear BR

Aiea promove simulação de acidente nuclear

Agência da ONU testa medidas de emergência contra perigo nuclear no México.

João Duarte, Rádio ONU em Nova York.*

A Agência Internacional de Energia Atômica, Aiea, anunciou a realização nesta quarta-feira de uma simulação de acidente nuclear numa central situada no México.

Setenta e quatro países membros da Aiea e dez organizações internacionais vão participar do exercício de simulação na central de Laguna Verde. O exercício deve durar 48 horas.

Preparação

O objetivo é avaliar o grau de preparação em nível nacional e internacional para a ocorrência de uma emergência nuclear ou radiológica.

Segundo a agência, trata-se do terceiro exercício de uma série. Anteriormente, a Aiea promoveu exercícios semelhantes em Gravelines, na França, em 2001 e em Cernavoda, na Romênia, em 2005.

A simulação vai testar comunicações, tempos de resposta e outros mecanismos para a troca de informações.

Alertas

Cabe a agência da ONU alertar os países membros e outras organizações em caso de ocorrência de acidente nuclear. A Organização Mundial da Saúde, OMS, também participa da simulação.

A agência da ONU afirma que o exercício não trará nenhum perigo para a população.

Apresentação*: Eduardo Costa, da Rádio ONU em Nova York.