Festival de música com Jay-Z quer tornar-se padrão ambiental global

Festival de música com Jay-Z quer tornar-se padrão ambiental global

Pnuma diz que é oportunidade para diminuir o impacto global criado pela indústria do entretenimento.

Mônica Villela Grayley, Rádio ONU em Nova York.*

O Programa das Nações Unidas para o Meio Ambiente, Pnuma, anunciou uma parceria com dois festivais de música na Noruega para estabelecer novos padrões para um movimento global de festivais ecologicamente correctos.

Os dois espectáculos, HoveFestival e Canal Street, começaram esta segunda-feira.

Impacto

Os festivais contam com a participação de estrelas internacionais como o rapper americano Jay-Z e o guitarrista de ‘blues’, John Mayall.

O director-executivo do Pnuma, Achim Steiner, afirma que esta iniciativa representa uma oportunidade para diminuir o impacto global no meio ambiente criado pela indústria do entretenimento.

Segundo Morten Sandberg, um dos organizadores do HoveFestival, a rede de eventos musicais liderada pelo Pnuma poderá se tornar tão eficiente como as redes com os Jogos Olímpicos e a Copa do Mundo de Futebol.

Iniciativas

Ambos os festivais terão painéis solares para recarregar as baterias de celulares e sistemas de iluminação baseados em energia solar e eólica.

Os organizadores definiram também uma meta de 50% para a reciclagem de materiais utilizados durante os eventos.

Apresentação*: João Duarte, Rádio ONU em Nova York.