ONU condena ataques que mataram 50 na Índia
BR

28 julho 2008

Ban Ki-moon (foto) disse que atos de terrorismo não tem justificativa; pelo menos 17 explosões foram ouvidas em Ahmadabad, no oeste do país.

Mônica Villela Grayley, Rádio ONU em Nova York.

O Secretário-Geral da ONU, Ban Ki-moon, condenou uma série de atentados a bomba em Ahmadabad e Bangalore, na Índia.

De acordo com a polícia indiana, pelo menos 50 pessoas morreram e mais de 100 ficaram feridas nos ataques, ocorridos no sábado em Ahmadabad, no oeste do país.

Sem Justificativa

Segundo agência de notícias, 17 explosões ocorreram em menos de uma hora atingindo área residenciais, mercados, hospitais e tranportes públicos.

Os ataques foram realizados apenas um dia após um outro atentado a bomba ter matado duas pessoas em Bangalore, no sul da Índia.

Ban enviou uma mensagem de pêsames às famílias e disse que atos terroristas não têm justificativa.

O primeiro-ministro indiano, Manmohan Singh, visitou Ahmadabad e se encontrou com algumas das vítimas.

A polícia declarou estado de alerta máximo em várias cidades indianas enquanto durar as buscas pelos autores dos ataques.

E nesta segunda-feira, em Nova York, Ban Ki-moon emitiu uma outra nota condenando os atentados a bomba na Turquia que mataram pelo menos 16 pessoas.

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud