Acnur condena ataque no Congo (Português para África)

6 junho 2008

Agência da ONU suspende operações e evacua funcionários no leste da República Democrática do Congo.

João Duarte, Rádio ONU em Nova York.

O Escritório do Alto Comissariado da ONU para Refugiados condenou o ataque de rebeldes contra um campo de refugiados improvisado no leste da República Democrática do Congo.

O ataque causou pelo menos nove mortos, incluindo duas crianças, e um número não determinado de feridos.

Evacuação

A agência da ONU anunciou que vai evacuar os funcionários e suspender temporariamente as operações na província do Kivu Norte, palco dos ataques.

Entre os feridos incluem-se dois trabalhadores de ONG que colaboravam com a agência.

As agências de auxílio anunciaram que vão abandonar a área, situada a cerca de 70 km a norte de Goma, na província de Kivu Norte.

Em janeiro, o governo e alguns grupos rivais congoleses assinaram um acordo de paz. Este acordo já foi violado em algumas ocasiões.

A população de deslocados internos na República Democrática do Congo chega a 1,3 milhão.

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Siga-nos no Twitter! Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud