PAM aprova plano estratégico de combate à fome (Português para África)

PAM aprova plano estratégico de combate à fome (Português para África)

Objectivo é lutar contra a alta no preço dos alimentos.

João Duarte, Rádio ONU em Nova York.

A direcção-executiva do Programa Alimentar Mundial, PAM, aprovou um plano estratégico de quatro anos que será crítico na luta contra o aumento da fome em resultado da crise alimentar mundial.

Segundo o PAM, o plano estratégico reforça o auxílio alimentar de emergência tal como aquele fornecido actualmente a três milhões de pessoas em Darfur no Sudão.

Prevenção

A proposta contempla ainda situações como a prevenção e aquisição local de alimentos utilizando vários sistemas.

A aprovação do plano estratégico de quatro anos segue-se à Conferência de Alto Nível sobre Segurança Alimentar promovida pela Organização das Nações Unidas para Agricultura e Alimentação, FAO, em Roma.

Sobrevivência

O encontro teve lugar na sequência da recente alta nos preços dos alimentos que está a colocar em risco a sobrevivência de milhões de pessoas em todo o mundo.

De acordo com um relatório, os alimentos mais afectados são arroz, milho e trigo.

O caso mais grave é o do preço do arroz que disparou após a imposição de restrições pelos principais países exportadores do produto.

De acordo com uma lista da FAO publicada antes do encontro em Roma, Moçambique e a Guiné-Bissau estão entre os 22 países mais afectados pela crise alimentar.